Plantas que precisam de pouca luz

Planta Savannah

Todas as plantas têm necessidades diferentes. Enquanto que plantas como o girassol não conseguem sobreviver sem luz, outras preferem ambientes escuros e húmidos. Se achas que não podes ter plantas em casa porque não tens grandes fontes de luz, então tens mesmo que ficar a conhecer as plantas de pouca luz da Colvin.

Estes exemplares são ideais para espaços interiores porque não só passam bem sem luz como gostam de ambientes escuros. São espécies que ficam na sombra e que costumam proliferar em ambientes húmidos. Contudo, isso não quer dizer que elas sejam «sombrias». Apesar de gostarem do escurinho, estas magníficas plantas vão dar mais luz à tua vida, e mais cor à tua casa. Elas são extremamente independentes e possuem muitos benefícios, sendo que alguns vão além do seu apelo estético. São excelentes para decoração, sim, mas também podem ajudar a purificar o ar do teu lar e a emprestar à tua casa uma atmosfera mais serena e moderna. Vamos passar a conhecê-las?

A Colvin é o sítio certo para encontrares estas plantas especiais

A Colvin conta com uma vasta seleção de plantas de pouca luz, e todas elas são perfeitas para decorar um espaço interior. Uma das nossas favoritas é a Sansevieria Zeylanica, também conhecida simplesmente como Savannah. Esta planta de folhas compridas é conhecida pelo seu padrão verde e branco, e encaixa lindamente numa casa-de-banho ou cozinha. O que a faz ser tão perfeita para interiores é a sua versatilidade. Mesmo sendo uma planta que gosta de ser deixada à sombra, a Savannah tolera algumas horas de Sol. Pode, por isso, ser também deixada numa divisão bem iluminada. Acima de tudo, a Savannah é a planta decorativa ideal para quem não gosta de ter muito trabalho. Exige poucas regas, é muito resiliente, e adapta-se a qualquer tipo de ambiente, especialmente no contexto do lar.

Um pouco mais delicada é a nossa Filodendro-brasil, também conhecida como Petra. A Petra é muito sensível à luz, que pode queimar as suas folhas de verde vivo. É por isso o tipo de planta que vais querer deixar longe da janela. Mas não faz mal, até porque a Petra encaixa lindamente junto do sofá da sala ou mesmo a cair do teto. Do teto? Sim, porque a Petra é uma das plantas favoritas dos decoradores e das maiores «estrelas» da nova tendência de decoração Urban Jungle. Devido ao aspeto das suas folhas, que não resistem à força da gravidade, a Petra é muitas vezes deixada num vaso pendurado a partir do teto. Desta feita, quer no chão como no ar, é sempre um mimo de se ver.

Lua

A partir de 20,00 €

Lara

A partir de 27,00 €

Miranda

A partir de 24,00 €

As nossas Calatheas, como a Calathea Ornata (Lara) ou a Calathea Warscewiczii (Willy) também têm que fazer parte da tua lista de compras. As Calatheas são o tipo de plantas que faz parte das prioridades de qualquer decorador. Porquê? Porque para além de serem lindíssimas, elas suportam ambientes escuros, húmidos, e sem qualquer tipo de exposição solar. São originárias das florestas tropicais do sudeste brasileiro, onde a vegetação precisa de ser muito forte para crescer de forma saudável. 

As Calatheas impressionaram muito os europeus quando foram importadas a partir do Brasil que até foram premiadas. A Calathea Zebrina ganhou um prémio de mérito da Royal Horticultural Society, uma instituição de peso da botânica que existe desde o início do século 19. Vais mesmo deixar passar a oportunidade de ter uma destas plantas maravilhosas em tua casa?

Plantas que mudam com a luz

Falar de plantas de pouca luz sem mencionar estas maravilhas da natureza seria um pecado. Afinal, plantas como a Scindapsus Pictus Exótica (Eric) ou a Scindapsus Pictus Argyraeus (Stella) reagem de forma notável à luz. Estas plantas são muito fáceis de cuidar, um autêntico mimo em qualquer divisão da casa. Contudo, se as colocares à sombra por demasiado tempo, as suas folhas transformam-se. Conhecidas pelo seu padrão verde e branco, a Stella e o Eric tornam-se predominantemente verdes se deixados durante muito tempo «às escuras». São, por isso, plantas ideias para lugares semi-iluminados, como uma pequena marquise.

Outra planta que se transforma com base na luz que recebe é a Epipremnum Aureum, ou Emma. A Emma gosta de se esconder em lugares escuros, mas precisa de sair e apanhar um pouco de luz de vez em quando. Quando isso não acontece, o padrão mármore das suas folhas desaparece e a plantinha torna-se completamente verde. Na Colvin, o verde é uma das nossas cores favoritas, mas não vais querer deixar a tua Emma à sombra durante muito tempo. Esta planta ideal para espaços interiores é mais interessante quando apresenta um padrão completo nas suas folhas. Em alguns casos, o padrão mármore da Emma até pode assumir tons de branco absoluto, e esta cor clara combina muito bem com o seu verde-escuro saturado. É um must para a tua casa.

plantas de pouca luz

15% DE DESCONTO

Estás à espera do que para aproveitares o teu ramo de flores ou planta favorita?

Código: SEOPT15