Entrega grátis dentro de 24 horas

Entrega grátis dentro de 24 horas

Smell of Spring

Envia o bouquet ideal quando e aonde quiser

O que é a Colvin?

Entrega de flores ao domicílio que são cortadas diretamente no campo e chegam a qualquer ponto da península em 24 horas, ramos que duram uma semana (ou mais) e desenhos únicos. Escolha o dia e a hora e descubra a magia de enviar flores online.

Porquê Colvin?

Porque nossas flores duram muito mais tempo...

Nosso compromisso com a qualidade nos levou a eliminar todos os tipos de intermediários. Nossas flores com entrega em domicílio vão do campo ao seu destino em apenas 24 horas e, se você não estiver 100% satisfeito com a experiência da Colvin, devolveremos seu dinheiro ou enviaremos um novo buquê.

  • Desenhos exclusivos

    Ramos exclusivos feitos em nossa oficina

  • Entrega rápida

    Enviamos em 24 horas para qualquer ponto da Península Ibérica

  • 100% de qualidade garantida

    Se o seu buquê não chega em boas condições, nós lhe enviamos outro

Colecciones Colvin

Coleções Colvin

Desenhos únicos feitos com as flores mais frescas. Nossos floristas não vão deixar de surpreender-te com suas criações. Ramos espetaculares, cheios de cores e aromas, perfeitos para decorar ou dar.

Ver todos os bouquets
Originals

Originais

Flores colhidas e enviadas diretamente do campo para as suas mãos. Estamos constantemente a viajar para encontrar as flores mais frescas dos nossos produtores em França, Holanda e Espanha.

Veja a coleção.
Suscripciones Colvin

Inscrições

Se gosta de flores frescas e quer recebê-las sem se preocupar, inscreva-se em Colvin e receba onde quiser semanalmente, quinzenalmente ou uma vez por mês.

Saiba mais

Shop Insta

Opiniões

  • "O melhor lugar para comprar flores em relação a concorrência. Bom tratamento e melhor preço".

    Borja Solas

  • "Um belo buquê e vaso, e uma menina feliz com o seu aniversário, vou repetir com certeza! Obrigado Colvin!"

    Marga Torres

  • "As flores chegaram perfeitamente protegidas e formosas, a minha irmã amou-as.

    Cristina Callejón

Se continuar a navegar, está a aceitar o uso de cookies + info